quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Doce de banana!

Retalho me lembra colcha de retalhos, boneca de pano, biscoitinhos de nata, café quentinho, tardes inteiras olhando minha avó costurar... Vó tem cheiro bom, abraço bom, minha avó tem cheirinho de doce de banana, nunca vou esquecer! Porque amo doce de banana com todas as minhas forças! Desde que me entendo por gente lembro dela sempre na máquina de costura, cortando tecido, tricotando, bordando. Eu ficava por perto, olhando, perguntado como faz, catando os retalhinhos para fazer roupinhas para as minhas boneca. Ela me ensinou tudo o que sei fazer hoje com as agulhas e as tesouras, o que ela não ensinou, eu aprendi sozinha. Depois de muitas roupinhas de boneca, resolvi fazer crochê, a família inteira ganhou paninhos e capas de almofadas. Depois fui bordar, e foi um festival de panos de pratos! Nunca me "entendi" bem com o tricô, acho que a culpa é das agulhas... Mas eu não me conformava! Achava lindo os pontos! Então como sou muito curiosa, descobri o tear de pregos, que faz os mesmos pontos e é super fácil! Aí todos ganharam cachecóis, encharpes e xales! E assim vai! Tudo o que faço acaba sobrando para todo mundo! E minha avozinha vai estar sempre no meu coração. Na última vez em que fui visitá-la, trouxe um saco de retalhos, claro! Os olhos dela brilham de orgulho quando conto minhas "artes", ela sabe que ela foi o começo de tudo! Ela não costura mais na máquina, só borda e tricota, está com 84 anos! E eu quero chegar lá, exatamente como ela! Por enquanto sou mãe da Valentina, e não é que ela já tem uma caixinha de contas, tesouras, silicone, cola, botões, linhas e tudo o que sobra das minhas "artes"? Não sei não, acho que ainda vou ser uma avozinha com cheirinho de doce de banana também...

Um comentário:

::: Lu Prado ::: disse...

EMOCIONANTE!!!!!!!
Bjsssss